As vagas no Processo Seletivo são definidas a nível de Curso/ Habilitação/ Currículo. Por exemplo, no curso de Administração para o ensino presencial terá 100 vagas e 50 vagas para o ensino EAD do mesmo curso. A questão é como separar essa informação no Processo Seletivo?

                                           Figura 1


No Processo seletivo não tem a opção de configurar agrupamento como existe no Matrícula Online. Sendo assim, é necessário criar um currículo para o EAD para inserção das vagas.

Se o currículo EAD for exatamente igual, poderá utilizar os mesmos dados da estrutura acadêmica apenas diferenciando o nome para que saiba qual é EAD e qual é o presencial.

Se o curso EAD for diferente do presencial com informações de portaria ou qualquer outra distinção, deverá criar, portanto, um novo curso também.


                                                   Figura 2